ENTREVISTA: VERA FERNANDES



Vera Fernandes, ou Verinha Mágica (como é conhecida na Cidade FM), é a mais locutora da Rádio Comercial. Além da rádio, a Vera apresentou concurso de verão da TVI, OK KO, ao lado de João Paulo Rodrigues. Em entrevista, Vera afirma que a sua paixão é a rádio. Conheça melhor a locutora Vera Fernandes, numa entrevista à Mais Notícias.




Olá Vera Fernandes. Antes de mais um obrigado por esta entrevista. E para aquelas pessoas que não a conhecem, quem é a Vera Fernandes?
Não gosto de olhar para trás, mas quando olho gosto do que vejo. Quase 15 anos de rádio, um programa de televisão, uma Maratona e uma Francisca, de 11 meses. Ainda tenho tudo para viajar mas não me esqueço de Bali, da Tailândia, de Los Angeles e de Amesterdão. Uma vez passei por Miami, Rio de Janeiro e Nova Iorque, numa só viagem! E já repeti Nova Iorque cinco vezes. Gosto de beber café para acordar e vinho para adormecer. Tenho duas máquinas de costura que agora esperam pelo tempo livre para fazer um fato de banho à Francisca. Com melancias ou unicórnios, ainda não decidi. Nasci em Lisboa e, sempre que viajo, adoro ver a placa azul a dizer Lisboa. Com o tempo, fui ganhando paciência e resistência. Esperei 9 meses pela Francisca e hoje, por causa dela, faço os outros esperarem. Fui a correr de Cascais até à Expo. Aos 40 anos quero voltar a fazer a Maratona, mas em Nova Iorque. Adoro restaurantes caros, perfumes caros e vernizes caros. O meu pai cozinha muito bem e, por isso, raramente almoço fora. A minha mãe é mais bonita do que eu. O meu namorado é Espanhol. Quando sou eu a experimentar receitas novas, uso o vinho para cozinhar mas não o coloco na comida. Sei que, quando for velha, vou andar de mão dada na rua e dar beijos. Já digo isto há tanto tempo. Ainda me faltam três filhos. Não sou rica mas tenho uma rica vida. No fundo, faço por isso.



Como nasceu a sua paixão pela rádio? 
Sempre ouvi muita rádio. Pela música, pela companhia, porque o tempo passava mais rápido. Longe de saber que, um dia, iria desejar que abrandasse. Quando decidi ir para Ciências da Comunicação, comecei a ver as opções e um dia concluí que queria fazer rádio. Comecei a estagiar numa rádio local. Lembro-me de estar na faculdade e ficar feliz por todas as colegas quererem muito televisão. O espaço que me deixariam na rádio, ampliava a possibilidade de sucesso. 


 (Créditos: Dinheiro Vivo)

Trabalhou na rádio Cidade FM há vários anos. Que balanço faz? 
A Cidade foi a minha grande escola, passei lá muitos anos da minha vida, ganhei muitos amigos, criei a Verinha Mágica e foi lá também que dei cabo dela. 



Na mesma rádio em que trabalhou ficou conhecida como Verinha Mágica. Porquê?
Na altura, passei do estúdio para a rua e foi a Joana Azevedo, perita em trocadilhos, que me começou a chamar Verinha Mágica por brincadeira. A coisa pegou. Ainda hoje me perguntam: Você é a Verinha Mágica, não é? Ultimamente, a minha resposta tem sido: mais ou menos.


 (Créditos: Selfie)


Qual foi o momento de rádio que fez e qual a mais marcou? 
A minha primeira emissão na Cidade, na Smooth, na M80 e na Comercial. Esta última, talvez por ter sido recente, foi bem forte.



Acha que, num mundo em que a tecnologia domina "quase" tudo, a rádio está em vias de extinção?
Acho que não. Na primeira questão referi a companhia e aí, não há nenhuma máquina que consiga competir.



Depois de uma rádio dedicada ao target jovens, a Vera muda-se para a M80. Como foi esta oportunidade? O horário da tarde é melhor ou preferia o da manhã?
Para quem tem filhos, qualquer um deles é mau porque ou saímos muito cedo de casa ou chegamos muito tarde. A verdade é que já fiz manhãs no passado, já não me lembrava muito bem como era mas tenho lidado bem com o horário. Durante a manhã tenho energia, à tarde nem por isso! O horário da tarde requer uma boa gestão da energia. Corremos o risco de chegar à emissão já cansados.


 (Créditos: A Televisão)



No entanto, mais recentemente é "acolhida" pela Rádio Comercial. Como está a ser esta experiência? 
Confesso que pensei que iria ser pior, nunca tinha trabalhado com tantas pessoas no estúdio mas estamos a falar de profissionais que falam e deixam falar e, isso, torna as coisas bem mais fáceis. Estou a viver um dia de cada vez e estou a conquistar o meu espaço.



Em 2012, a Vera estreou-se como apresentadora de televisão. Como surgiu esta oportunidade?
Convidaram várias pessoas da rádio para um casting na TVI. Fui com a certeza de que o “não” estava garantido. Até que recebi um telefonema do Administrador a dizer que tinha sido escolhida. Pensei: passaram-se!



1. Posteriormente, apresentou algumas emissões do «Somos Portugal» e afastou-se da televisão. Tem vontade de trabalhar em televisão?
Agora, confesso que não tenho muito tempo. A rádio Comercial requer muita disponibilidade mental. Estou a adaptar-me a uma equipa diferente, a um horário diferente e a absorver muita coisa ao mesmo tempo. À tarde, tenho a Francisca que puxa bastante por mim. Mais à frente, porque não?



Se dessem a escolher entre rádio e a televisão, qual preferia? Porquê?
Rádio, rádio, rádio. Cada um é para o que nasce.

  (Créditos: A Televisão) 


Sente-se completamente concretizada profissionalmente?
Sim, muito. Fiz 35 anos no dia 10 de Setembro e, quando olho para a minha vida pessoal e profissional, fico muito feliz com o que conquistei. Às vezes, dizem-me que tenho o que tenho porque mereço. Estou a começar a acreditar.



Se a sua vida fosse uma música, qual escolheria? Porquê? 
Neste momento: “Louis Armstrong - What a wonderful world”.



Falando agora sobre o teu futuro. Que projectos tens agendados? 
Tudo o que vem por aí, está muito ligado à rádio e não nos vamos esquecer do Meo Arena em Dezembro. Quando me convidaram para as manhãs, perguntaram-me logo se sabia cantar!



Agora por último, qual o conselho que darias a quem está a seguir "Comunicação Social"?
Às vezes, tudo o que parece simples e espontâneo tem muito trabalho por trás. O talento é preciso mas sem trabalho, nada acontece. Ou então, acontece em pequenino.



Vera muito obrigado por esta entrevista e desejo o maior sucesso para a sua carreira.







'MAIS NOTÍCIAS' ENTREVISTA - Edição 4
Convidado: Vera Fernandes
Entrevistador: Tiago Ferreira
Produção: Tiago Ferreira
Mais Notícias 2017
 

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.